Base de Conhecimento

MP - SIGAEST - Bloco K - Perguntas e respostas

Dúvida
Bloco K - Perguntas e respostas

Ambiente
Protheus – Estoque/Custos – A partir da versão 11.80

Solução

A ficha técnica do PCP (PCPA104) será utilizada para geração do Bloco K?
Não. Para geração do bloco, somente será considerada as movimentações para produção e o cadastro de estruturas (SG1).

As perdas de mercadorias ou insumos em decorrência de obsolescência, ou ainda em decorrência de caso fortuito, deverão ser apontadas no registro K220?
Não, esta situação deverá ser demonstrada através do Bloco C por meio de documento fiscal.

Como conferir as informações geradas no arquivo com os dados da base?
As informações geradas no Bloco K podem ser conferidas através do relatório MATR241, e seguindo o detalhamento que consta neste documento do que é considerado em cada registro.

Como são tratados os produtos alternativos na geração do Bloco K?
Para a utilização de produtos alternativos a rotina realizará o seguinte comportamento:

  1. Com base no Registro 0210, a rotina buscará as informações da engenharia de produtos (SG1) e o sistema definirá os insumos para industrialização.
  2. Ao se realizar um apontamento de produção, será gravado o item produzido no registro K230 e os itens consumidos no processo no registro K235.
  3. Caso o insumo consumido seja o padrão da estrutura (SG1), o registro será gravado no campo do layout COD_ITEM (Código do item componente/insumo).
  4. Se o item consumido (requisição no SD3) for o insumo alternativo, o campo COD_INS_SUBST (Código do insumo do layout), será preenchido com o item que foi substituído, caso ocorra a substituição.

Exemplo:

Para produzir o produto SPEDMP-ALT, utilizamos o SPEDMP-ALT que possui como produto alternativo o SPEDMP2.

REG

DT_INI_OP

DT_FIN_OP

COD_DOC_OP

COD_ITEM

QTD_ENC

K230

03072015

03072015

00001101001

SPED-PA

3,000

REG

DT_SAÍDA

COD_ITEM

QTD

COD_INS_SUBST

K235

03072015

SPEDMP-ALT

3,000

SPEDMP2

É necessário informar todas as movimentações de estoque no Bloco K?
As movimentações de estoque que devem ser informadas no BLOCO K são:
K210: A quantidade desmontada de origem.
K215: A quantidade desmontada de destino.
K220: Outras movimentações internas entre mercadorias.
K230: A quantidade produzida no estabelecimento informante.
K235: A quantidade consumida no estabelecimento informante.
K250: A quantidade produzida em terceiros.
K255: A quantidade consumida em terceiros.
K260: A quantidade retrabalhada.
K265: A quantidade dos insumos utilizados em retrabalho.
K270: A quantidade de correção de item pai.
K275: A quantidade de correção para os itens filhos.
K280: A quantidade de correção de saldo escriturado de período anteriores.
As demais movimentações (entrada e saída de estoque), são demonstradas por meio dos documentos fiscais, que serão demonstrados através do Bloco C.

É obrigatório realizar o fechamento de estoque antes da geração do Bloco K?
Recomendamos que antes do processamento do Bloco K, sejam realizados os apontamentos de todos os movimentos referentes ao período, bem como os procedimentos para fechamento de estoque, garantindo assim a integridade das informações geradas.
No entanto o fechamento de estoque não é obrigatório.

No Registro 0210 como é montada a estrutura do produto acabado?
Empresa: Fábrica de Bolos.
Estrutura Padrão:
Bolo (PA)
|_ Massa (MP)
|_ Ovos (MP)
|_ Mão-de-Obra

Ordem de Produção 1: Ao realizar a abertura da OP, o usuário adiciona o recheio de Chocolate nesta produção pontual. Desta forma, a lista de produtos, contempla os seguintes itens:

Bolo (PA)
|_ Massa (MP)
|_ Ovos (MP)
|_ Mão-de-Obra
|_ Chocolate (MP)

O chocolate não faz parte da lista técnica padrão, trata-se de um componente considerado um item adicional para produção.

Ordem de Produção 2: Ao realizar a abertura da Ordem de Produção 2, o usuário adiciona o recheio de Doce de Leite nesta esta produção pontual. Desta forma, a lista de produtos contempla os seguintes itens:

Bolo (PA)
|_ Massa (MP)
|_ Ovos (MP)
|_ Mão-de-Obra
|_ Doce de leite (MP)

O doce de leite não faz parte da lista técnica padrão, ou seja, trata-se de um componente considerado um item adicional para produção.

Normalmente, os bolos deveriam ter códigos específicos de produção e comercialização de acordo com o tipo de recheio, uma vez que, teriam custos de produção e preços de comercialização distintos. Entretanto, caso a empresa controle a produção e a comercialização dos bolos com um código único, sem especificar o tipo de recheio, e considerando os seus exemplos, o consumo específico padrão (Registro 0210), deve ser informado com um tipo de recheio (por exemplo: chocolate) e quando do consumo efetivo na produção de bolo com outro recheio (doce de leite). Esse insumo deve ser informado como substituto, informando o insumo substituído (chocolate).

O que é ficha técnica?
A ficha técnica é a estrutura do produto.

O resultado do relatório Kardex Modelo P3 (MATR470) pode ser usado para análise das informações do Bloco K?
Não, embora o Bloco K seja o substituto do relatório, não é possível a comparação em razão das diferenças estruturais em sua montagem e extração de informação.

Os itens da minha estrutura saíram no Bloco K (0210), exceto um item que acabei de cadastrar. O que está errado?
Para sair no Bloco K em especifico registro 0210, o período processado deve estar entre as datas de início e fim da SG1.
Exemplo:
Período processado. (01/10/2016 a 31/10/2016) e o item foi incluído neste mesmo período ele será considerado no próximo período do Bloco K.
Assim o cadastro da SG1 ficaria assim por exemplo.
G1_INI 10/10/2016 até G1_FIM 31/12/2049.
Irá sair nos próximos períodos (01/11/2016 até 30/11/2016).
Desta forma é assegurado que o item sempre será processado nos próximos períodos a sua inclusão na SG1

O uso de estrutura de produto (SG1) é obrigatório?
Não, pois a geração do Registro 0210 pode ser gerado de duas formas:
Por movimento
Por estrutura
A geração do Registro 0210, deve ser feita preferencialmente por estrutura, pois não podem ocorrer grandes variações de quantidade e componentes de um período para o outro. Disponibilizamos o processamento por movimento, como uma segunda opção para os clientes que possuam processos produtivos regulares (estrutura de componentes não tem grandes alterações), mas por algum motivo não possuam o cadastro de estrutura (SG1). A utilização do processamento do Registro 0210 por movimentos, deve ser avaliada com critério.

Pode ser informado no K280 as movimentações de acerto de inventário?
Não. O Registro K280 não deve ser utilizado para lançamento de inventario. Dentre as informações que levantamos durante o desenvolvimento do Bloco K, com o apoio da Consultoria de segmentos, é que os ajustes de inventário devem ser documentados através de documentos fiscais. Esta não é uma imposição da TOTVS e sim uma orientação da própria receita.
Documentação do K280: http://tdn.totvs.com/pages/releaseview.action?pageId=259560569

Quais são os exemplos de movimentações internas no K220?
Reclassificação de um produto em outro código em função do cliente a que se destina. O contribuinte aponta a quantidade produzida de determinado produto, por exemplo, código 1. Este produto, quando destinado a determinado cliente recebe uma outra codificação, código 2. Neste caso, há a necessidade de controle do estoque por cliente. Assim, o contribuinte deverá demonstrar no registro K220, a saída do estoque do produto 1 e entrada no estoque do produto 2.
Reclassificação de um produto em função do controle de qualidade. O contribuinte aponta a quantidade produzida de determinado produto, por exemplo, código 3. Este produto tem parte da produção rejeitada pelo controle de qualidade. O produto não conforme, terá um outro código, por exemplo 4. Através do K220, o contribuinte demonstrará a saída no estoque do produto 3 e entrada no estoque do produto 4. Posteriormente, o produto 4, não conforme, pode ser consumido no processo produtivo, pode ser vendido como produto com defeito ou subproduto, entre outros.

Trabalhamos com produções sob encomenda, onde as requisições são baseadas conforme a necessidade do cliente. Em nosso cadastro, a estrutura tem um único código de produto acabado. Neste cenário, como deverá ser informado o registro 0210?
A empresa deverá avaliar a possibilidade de gerar um cadastro de estrutura para cada um dos projetos das encomendas. A empresa até poderá gerar o Registros 0210 por movimentos, porém, o produto terá uma variação muito grande de um período para o outro e a empresa poderá ter problemas com o fisco.

Um item pode ser considerado como produto acabado, produto intermediário ou produto em processo, sendo requisitado para o próprio código. É cabível no registro 0200, enviar o mesmo código quantas vezes aparecer nos estoques específicos?
Não. No registro 0200, existe o tipo de mercadoria (campo TIPO_ITEM) em que, obrigatoriamente, cada item deverá possuir uma única classificação.
Não é permitida a existência de recursividade.

 

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 1 de 1

0 Comentários

Por favor, entre para comentar.
X Fechar

Olá ,

Há pendência referente a um de seus produtos contratados para a empresa ().

Entre em contato com o Centro de Serviços TOTVS para tratativa.

Ligue! 4003-0015 opção 4 e 9 ou registre uma solicitação para CST – Cobrança – Verificação de pendências financeiras . clique aqui.

TOTVS

X Fechar

Olá ,

Seu contato não está cadastrado no Portal do Cliente como um perfil autorizado a solicitar consultoria telefônica.

Por gentileza, acione o administrador do Portal de sua empresa para: (1)configurar o seu acesso ou (2)buscar um perfil autorizado para registro desse atendimento.

Em caso de dúvidas sobre a identificação do contato administrador do Portal, ligue (11) 4003-0015, opção 7 e, em seguida, opção 4 para buscar o suporte com o time de Assessoria ao Portal do Cliente. . clique aqui.

TOTVS

X Fechar

Olá ,

Para o atendimento de "Consultoria Telefônica" você deverá estar de acordo com o Faturamento.

TOTVS

X Fechar

Olá,

Algo inesperado ocorreu, e o usuario nao foi reconhecido ou você nao se encontra logado

Por favor realize um novo login

Em caso de dúvidas, entre em contato com o administrador do Portal de Clientes de sua empresa para verificação do seu usuário, ou Centro de Serviços TOTVS.

Ligue! 4003-0015 opção 4 e 9 ou registre uma solicitação para CST – Cadastros . clique aqui.

TOTVS

Chat _

Preencha os campos abaixo para iniciar o atendimento:

Chat _