Base de Conhecimento

RH - Linha Protheus - PON - Como efetuar o cadastro do Relógio de Ponto

Dúvida
Como efetuar o cadastro do Relógio de Ponto?

Ambiente
TOTVS RH - TOTVS RH (Linha Protheus) - Ponto Eletrônico - Todas as versões

Solução
O Protheus permite o cadastro de dois tipos de Relógio de Ponto, sendo:
1. - AFD - relógios REP homologados pela portaria 1510/671 do MTE ou 373 do Inmetro. Os arquivos gerados por este tipo de relógio contem o número de PIS ou CPF dos funcionários, portanto, o layout proposto pelo MTE deve ser obedecido;

2 - Não AFD - relógios que não são AFD tem arquivos com número de crachá. Neste caso, não existe um layout determinado, pois cada fabricante pode trabalhar com o seu. Cabe ao fabricante informar exatamente o layout ao cliente, para que seja possível cadastrar o equipamento.

Qualquer relógio é compatível com o Protheus desde que gere arquivo TXT dentro de uma das opções citadas acima.

Para criar o cadastro de um relógio, basta acessar Atualizações>Cadastro do Ponto>Relógios.
Para os dois tipos de Relógio mencionados acima, o cadastro de alguns campos devem estar conforme exemplo abaixo:



Conheça os principais campos:

1. Pasta Geral

- No campo Nro. Relógio (P0_RELOGIO) - Deve ser informado o código do relógio, que obrigatoriamente deve possuir 3 dígitos, por exemplo: 001;
 - No campo Descrição (P0_DESC) - Deve ser informado o nome do relógio;
- No campo Controle (P0_CONTROL) - Deve ser informado o tipo de controle para qual este relógio foi destinado, onde: P - Relógio para controle de ponto; R - Relógio para controle de refeitório; A - Relógio/Catraca para Controle de Visitantes;
- No campo Tipo Arquivo (P0_TIPOARQ) - Deve ser informado o tipo do arquivo para este relógio, onde: D - Para arquivos padrão xBase; T - Para Arquivo Texto ou - Para integração com Carol Clock In ou Suricato;
- No campo Nome Arquivo (P0_ARQUIVO) - Deve ser informado o caminho  para pasta local ou de rede onde o arquivo TXT está salvo, mas nunca a pasta System (exceção apenas para uso de Schedule), por exemplo: C:PROTHEUS10/PONTO/CD.TXT. Vale ressaltar que o nome do arquivo de marcações deve ser exclusivo para cada relógio e não pode repetir para relógios diferentes.
Nos casos de uso das integrações com Carol Clock In ou Suricato, este campo será automaticamente preenchido com a palavra REP e não deve ser alterado.
- No campo Incremental (P0_INC) - Deve ser informado 1- SIM, se o relógio é incremental, ou seja, acumula as marcações no arquivo txt ou 2 - NÃO, se o relógio não é incremental, ou seja, não acumula as marcações no arquivo txt;
- No campo REP (P0_REP): Dever ser informado conforme o tipo do REP:
> número de fabricação nos casos de REP homologado pelas antigas portarias 1510/373 ou nos casos de REP C homologado pela portaria 671 em vigência;
>
número do processo do último acordo ou convenção coletiva no caso de REP-A, e caso não haja, informar 99999999999999999;
>
número de registro no INPI, no caso de REP-P
Nos casos de relógios que fazem o controle através do Crachá do funcionário, este campo deve ficar vazio.

Caso o formato do arquivo de marcações seja AFD – Arquivo Fonte de Dados, o sistema seguirá os layouts definidos pelo MTP de forma automática, não sendo necessário o preenchimento das demais abas do cadastro, salvo exceção dos cadastros para integração com o Suricato, onde deve ser informado na aba Outros - Campo Novo Relógio = SIM.

Nos casos de equipamentos que não são AFD, ou seja, tem o controle através do Crachá do funcionário, se faz obrigatório o cadastro das posições do arquivo, informação que deve ser requisitada ao fabricante para o correto cadastro no Protheus conforme orientações abaixo:

Aba Código:
- Ini. Código (P0_CODINI) e Fim. Código (P0_CODFIM) - Deve ser informada a posição inicial e final do crachá do funcionário conforme arquivo txt. A quantidade de dígitos deve ser exatamente igual a quantidade de dígitos informado no campo crachá no cadastro do funcionário.

Aba Relógio:
- Ini. Relógio (P0_RELOINI) e Fim. Relógio (P0_RELOFIM) - Deve ser informada a posição inicial e final do relógio conforme arquivo txt. O código do txt deve ser igual ao código do cadastro do relógio. Caso o arquivo txt não possua o código do relógio, deve ser utilizado o campo Form Relogio preenchendo com um valor fixo, por exemplo "001".

Aba Dia:

- Ini. Dia (P0_DIAINI) e Fim. Dia (P0_DIAFIM) - Deve ser informada a posição inicial e final do dia conforme arquivo txt.

Aba Mês:
- Ini. Mes (P0_MESINI) e Fim Mes (P0_MESFIM) - Deve ser informada a posição inicial e final do mês conforme arquivo txt.

Aba Ano:
- Ini. Ano (P0_ANOINI) e Fim Ano (P0_ANOFIM) - Deve ser informada a posição inicial e final do ano conforme arquivo txt.

Aba Horas:
- Ini. Hora (P0_HORAINI) e Fim Hora (P0_HORAFIM) - Deve ser informada a posição inicial e final da hora conforme arquivo txt.

Aba Minutos:
- Ini. Minutos (P0_MINUINI) e Fim Minutos (P0_MINUFIM) - Deve ser informada a posição inicial e final dos minutos conforme arquivo txt.


IMPORTANTE
- Um relógio associado a um número de REP não pode ser eliminado e nem pode ter o número alterado caso tenha marcações registradas pela leitura de marcações.
- A tabela SP0 que trata sobre o cadastro de relógios pode ser totalmente Compartilhada ou totalmente Exclusiva.
Compartilhamento Totalmente Exclusivo - é importante saber que os funcionários devem obrigatoriamente registrar o ponto apenas nos relógios cadastrados na mesma filial dele, ou seja, se o funcionário pertence a filial 01, poderá registrar o ponto apenas nesta filial, caso contrário, quando for realizada a leitura das marcações, esses dados não serão gravados na tabela SP8 - Marcações.

Nos casos onde as integrações com Suricato ou Carol Clock In forem utilizadas em mais de uma Filial do mesmo Grupo de Empresas, se torna obrigatório que a SP0 seja totalmente compartilhada.

Se o campo Centro de Custo for preenchido, só serão lidas as marcações dos funcionários que estão atrelados ao mesmo código de Centro de Custo informado do cadastro do Relógio.

Saiba mais
RH - Linha Protheus - PON x Suricato - Como cadastrar um relógio que integra com o Suricato
RH - Linha Protheus - PON - Como cadastrar um relógio para integração do Clock In com o Ponto Eletrônico
RH - Linha Protheus - PON - Após o cadastro do relógio, como podemos ter uma prévia se o arquivo será lido pelo Sistema
Pacote de Expedição Contínua - Acumulado de RH
Manual do Ponto Eletrônico

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 0 de 0

0 Comentários

Por favor, entre para comentar.
X Fechar

Olá ,

Há pendência referente a um de seus produtos contratados para a empresa ().

Entre em contato com o Centro de Serviços TOTVS para tratativa.

Ligue! 4003-0015 opção 4 e 9 ou registre uma solicitação para CST – Cobrança – Verificação de pendências financeiras . clique aqui.

TOTVS

X Fechar

Olá ,

Seu contato não está cadastrado no Portal do Cliente como um perfil autorizado a solicitar consultoria telefônica.

Por gentileza, acione o administrador do Portal de sua empresa para: (1)configurar o seu acesso ou (2)buscar um perfil autorizado para registro desse atendimento.

Em caso de dúvidas sobre a identificação do contato administrador do Portal, ligue (11) 4003-0015, opção 7 e, em seguida, opção 4 para buscar o suporte com o time de Assessoria ao Portal do Cliente. . clique aqui.

TOTVS

X Fechar

Olá ,

Para o atendimento de "Consultoria Telefônica" você deverá estar de acordo com o Faturamento.

TOTVS

X Fechar

Olá,

Algo inesperado ocorreu, e o usuario nao foi reconhecido ou você nao se encontra logado

Por favor realize um novo login

Em caso de dúvidas, entre em contato com o administrador do Portal de Clientes de sua empresa para verificação do seu usuário, ou Centro de Serviços TOTVS.

Ligue! 4003-0015 opção 4 e 9 ou registre uma solicitação para CST – Cadastros . clique aqui.

TOTVS

Chat _

Preencha os campos abaixo para iniciar o atendimento:

Chat _