FAQs - Suporte técnico

DS – NFE – Rejeição 356 Informar o local de saída do País somente no caso de exportação

Ocorrência
Orientação de como resolver a rejeição 356 Informar o local de saída do País somente no caso de exportação

Causa
Quando for emitida uma NF-e e o Grupo de Exportação (Campo: exporta - ID: ZA01) for informado, mas o Tipo de Operação da NF-e (Campo: ide / tpNF - ID: B11) for "0 - Entrada" e o Identificador de destino da operação (Campo: ide / idDest - ID: B11a) for igual a "1 - Operação interna" ou "2 - Operação interestadual", será retornado a rejeição "356 - Informar o local de saída do País somente no caso da exportação".

Ambiente
Datasul Faturamento

Solução
Para a geração da TAG idDest: a identificação do tipo de operação estadual, interestadual ou operação com exterior é resolvida considerando-se o confronto entre a UF(unidade federativa) do endereço do destinatário e o CFOP (código fiscal de operações e prestações) dos itens da NF-e (Nota Fiscal Eletrônica). Segundo o Governo, para facilitar a declaração pela empresa foi incluído um identificador do tipo de operação e foram estabelecidos os respectivos controles necessários para cada tipo de operação.

Nesse caso o programa irá realizar uma validação básica do processo que está sendo feito e alimentar automaticamente o conteúdo da TAG (idDest) no adapter AXSEP027.

A regra será a seguinte:

  • Caso a CFOPiniciar com “7” a operação será “3 = Operação com exterior”;
  • Caso a CFOPiniciar com “6” a operação será “2 = Operação Interestadual”;
  • Caso a CFOPiniciar com “5” a operação será “1 = Operação Interna”;
  • Qualquer situação que não se enquadre nas condições anteriores será considerada como operação “1 = Operação interna”.

 

Para a geração da TAG tpNF: a identificação do tipo de operação entrada ou saída é com base no primeiro dígito do CFOP dos itens da NF-e. Neste caso, o programa realizará uma validação básica onde a CFOP iniciado em “1”, “2” ou “3” será tipo de operação “0 = entrada”. Diferente dessas iniciais será tipo de operação “1 = saída”.

Para operações cujo destinatário (cliente) é Trading, essas TAGs deverão ser geradas na nota fiscal de exportação emitida pela Trading, assim como também o processo de exportação.

Resumindo: as informações referentes ao processo de exportação deverão ser geradas no XML da nota fiscal somente quando o CFOP iniciar com “7”, ou seja, cliente estrangeiro e a transação ser efetivamente para um país diferente de Brasil.

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 0 de 0

0 Comentários

Por favor, entre para comentar.
X Fechar

Olá ,

Há pendência referente a um de seus produtos contratados para a empresa ().

Entre em contato com o Centro de Serviços TOTVS para tratativa.

Ligue! 4003-0015 opção 4 e 9 ou registre uma solicitação para CST – Cobrança – Verificação de pendências financeiras . clique aqui.

TOTVS

X Fechar

Olá ,

Seu contato não está cadastrado no Portal do Cliente como um perfil autorizado a solicitar consultoria telefônica.

Por gentileza, acione o administrador do Portal de sua empresa para: (1)configurar o seu acesso ou (2)buscar um perfil autorizado para registro desse atendimento.

Em caso de dúvidas sobre a identificação do contato administrador do Portal, ligue (11) 4003-0015, opção 7 e, em seguida, opção 4 para buscar o suporte com o time de Assessoria ao Portal do Cliente. . clique aqui.

TOTVS

X Fechar

Olá ,

Para o atendimento de "Consultoria Telefônica" você deverá estar de acordo com o Faturamento.

TOTVS

X Fechar

Olá,

Algo inesperado ocorreu, e o usuario nao foi reconhecido ou você nao se encontra logado

Por favor realize um novo login

Em caso de dúvidas, entre em contato com o administrador do Portal de Clientes de sua empresa para verificação do seu usuário, ou Centro de Serviços TOTVS.

Ligue! 4003-0015 opção 4 e 9 ou registre uma solicitação para CST – Cadastros . clique aqui.

TOTVS

Chat _

Preencha os campos abaixo para iniciar o atendimento:

Chat _